CTNBio libera cana transgênica

Representante do Ministério do Meio Ambiente e especialistas em meio ambiente e agricultura familiar, que votaram contra a liberação, apontam falta de estudos sobre os impactos ambientais e à saúde por Cida de Oliveira, da Rede Brasil Atual, 08/06/2017 São Paulo – A...

Audiência expõe efeitos dos agrotóxicos

jornalahora.com.br A Hora, 23/09/2016 ALERTA NACIONAL: fórum em Encantado mostra os perigos da aplicação de agrotóxicos. Brasil é o recordista mundial no consumo de defensivos Cerca de 250 pessoas participaram de audiência pública promovida ontem à tarde pelo Fórum...

Dever de casa para a CTNBio

Paulo Kageyama, professor titular da USP e integrante da CTNBio, entregou ao presidente da Comissão em 10/12 um exemplar do livro “Lavouras Transgênicas: riscos e incertezas“. A publicação reúne mais de 750 estudos apontando problemas dos transgênicos que...

OMS classifica 2,4-D como provável cancerígeno

A Agência Internacional de Pesquisa sobre o Câncer (IARC), ligada à Organização Mundial da Saúde (OMS), divulgou no último dia 22 sua revisão sobre o agrotóxico 2,4-D, classificando-o como provável cancerígeno para seres humanos. O produto é o terceiro agrotóxico mais...

Transgênicos: diálogo

“(…) se o mandato da CTNBio é limitado aos efeitos diretos dos transgênicos, não é de sua competência fazer afirmações sobre a segurança de seu uso na prática (…)” – Artigo de Hugh Lacey, José Corrêa Leite, Marcos Barbosa de Oliveira e...

O que vale uma decisão da CTNBio?

“Ao analisar a composição da CTNBio vê-se que, dos 12 especialistas – de notório saber científico e técnico – que a compõem, somente 3 são da área do meio ambiente. O Ministério do Meio Ambiente terá um representante e indicará um especialista oriundo da sociedade...